Carregando
Dicas e curiosidades
Voltar

Plantas tóxicas para o seu cão: saiba quais são!

Profissional Lapavet
31/10/2022

O seu cachorro adora brincar no quintal, cavar buracos e comer as flores? Aposto que a resposta é sim, o jardim geralmente é o playground dos cães e eles se divertem muito. Entretanto, nem tudo são flores, o tutor precisa ter cuidado pois existem plantas que são tóxicas para cães.

A lista de plantas tóxicas, que frequentemente são usadas para presentear as pessoas e até decorar o ambiente, é grande. Por isso, antes de escolher algo para plantar no seu jardim ou colocar dentro do seu apartamento, é muito importante pesquisar sobre a sua toxicidade.

As plantas tóxicas mais comuns para cachorro são:

• Comigo-ninguém-pode;

• Copo-de-leite;

• Azaleia;

• Samambaia;

• Antúrio;

• Arnica;

• Arruda;

• Bico de papagaio;

• Coroa de cristo;

• Espada de São Jorge;

• Hibisco;

• Violeta;

• Lírio da paz

A lista é realmente grande! E embora muitos pensem que os animais saibam diferenciar as plantas tóxicas das demais, isso não é verdade. Na hora de brincar ou de tirar a curiosidade, eles podem pegar o primeiro vaso de plantas que encontrarem sem nem distinguir se a planta é tóxica ou não. 

Sintomas de intoxicação por plantas

Depois que o cão tem contato com uma planta tóxica, os sinais clínicos apresentados variam de acordo com a planta e com a quantidade ingerida. Excesso de salivação, vômito e diarreia são os principais sintomas. Outros sinais também podem se manifestar como:

• Sede em excesso;

• Distúrbio respiratório;

• Febre;

• Pele e mucosas secas;

Tratamento e prevenção

A lavagem da boca para retirar alguma substância tóxica que ainda não tenha sido absorvida pode ser o primeiro passo, depois disso, é preciso entrar com uma medicação indicada pelo médico veterinário para controlar os sintomas.

O melhor é conferir o seu jardim e verificar se há alguma planta tóxica para o seu cão, e caso você tenha, procure colocar em um vaso e deixar longe do alcance do seu cachorro.

Tenha cuidado também quando for passear em praças ou parques, nesses momentos é preciso ficar atento para evitar que ele pegue algumas plantas tóxicas sem que você perceba.

Este artigo foi útil para você? Então fique ligado no blog e nas redes sociais do Lapavet para mais conteúdos assim!

 #blog  #lapavet #cachorro #plantastóxicasparacães #plantastóxicasparacachorros #cuidadosanimais #animaisdeestimação #bemestaranimal

Já estamos em Novo Endereço: Avenida Lino Jardim, 250 - Vila Bastos - Santo André/SP

Compartilhe nas redes:

Conheça o
Espaço do Veterinário

  • Espaço especializado para o veterinário.
  • Materiais técnicos, conteúdo útil, didático e especializado.
  • Documentos e dicas de diversos assuntos para auxiliar a comunidade veterinária.

Conteúdos Relacionados

Informativo
Maio Amarelo: Protegendo os Rins dos Nossos Fiéis Companheiros
Maio Amarelo: Protegendo os Rins dos Nossos Fiéis Companheiros
29/05/2024
Radiologia
Ultrassom Veterinário em Santo André: Compreendendo e Cuidando da Saúde do seu Pet
Ultrassom Veterinário em Santo André: Compreendendo e Cuidando da Saúde do seu Pet
21/02/2024
Informativo
CULTURA FÚNGICA: Desvendando os Detalhes Essenciais no Lapavet
CULTURA FÚNGICA: Desvendando os Detalhes Essenciais no Lapavet
19/02/2024
Espaço do Veterinário

Temos um espaço pensado especialmente para você, médico veterinário!

  • Espaço especializado para o veterinário.
  • Materiais técnicos, conteúdo útil, didático e especializado.
  • Documentos e dicas de diversos assuntos para auxiliar a comunidade veterinária.
Desenvolvido por Lands Agência
Copyright © Lapavet 2024. Todos os direitos reservados.
Formulário enviado com sucesso !